sexta-feira, 9 de dezembro de 2011

Prêt-à-porter





Há 32 anos no mercado, a Avanti lança pela primeira vez sua linha de tapetes Prêt-à-porter. Para quem não sabe, a expressão vem do francês do “prêt” (pronto) e “à-porter” (para levar), um movimento pela democratização da moda nascido no pós-guerra (1949). O design autêntico e as dimensões sob medida dos produtos feitos por encomenda permanecem, mas nas coleções Prêt-à-porter  da Avanti o prazo de entrega é reduzido pela metade. A partir de um estudo de tendências e de necessidades do mercado, são elaboradas combinações de cores pré-definidas, permitindo que os tapetes sejam entregues em até 15 dias.
Para a estreia, as designers Bia Lettiére e Márcia Bergmann criaram a coleção Wasily. A geometria e os traços da fachada da maior referência visual da arquitetura russa, a catedral de São Basílio, em Moscou, foram o ponto de partida para o desenvolvimento da Wasily. As peças apresentam uma releitura dos elementos decorativos das suas torres e cúpulas e indica o traço comum aos três modelos e suas diferentes cores: os grafismos em ziguezague.
A Coleção Wasily é produzida com 100% filamentos contínuos de nylon, por isso, é antialérgica, fácil de limpar e durável. Também possui em sua superfície o nylon So Soft, conferindo grande maciez aos modelos.  Aleksei, vem nas cores Estepe e Moscou. Neutras, em escalas de beges e marrons ou de cinzas e pretos, apresentam mesclas que às vezes são nítidas, às vezes se destacam pelo efeito desconstruído e estonado. Dmitri, nas cores Cáucaso, Mamuska e Taiga. Ao mesmo tempo coloridas e sóbrias, compostas pela mistura de mais de 20 cores, cada versão deste modelo é inspiradora com seus azuis e verdes profundos,alaranjados e amarelos intensos, sempre mesclados com marrons, cinzas e beges. E Nicolas, nas cores Baikal, Kremlin e Tundra. Tonalidades suaves como as cores da neve e do gelo, neutras como a vegetação de líquen e de musgo, ou intensas com referências às muralhas de tijolos vermelhos se revelam em uma padronagem delicada.
Viu? Já dá para deixar a casa nova em menos tempo!

Nenhum comentário: