sexta-feira, 9 de outubro de 2015

Circles



Crop circle é o termo usado para as figuras geométricas encontradas em campos de cereais. O fenômeno é documentado há décadas na Inglaterra, com um aumento  exponencial a partir do final dos anos 1960. Não se sabe sua origem e há várias teorias que envolvem desde fraudes a OVNIs. 
Mas é certo que trazem mensagens. Como um deles, decodificado por um astrofísico, Mike Reed, que decifrou a sequência numeral de π (Pi) – que nos permite calcular a área de um círculo pela relação entre o perímetro e o diâmetro de uma circunferência. Este crop circle, avistado em julho de 2008 apresentava 45 metros de diâmetro e um desenho extremamente complexo e preciso. Pouco tempo depois, uma série de outros crop circles com tramas cilíndricas foram encontrados na região.
Paralelamente, o design dos anos 1960 foi marcado pela Op Art (optical art), representada por diferentes figuras geométricas que, combinadas, causam a sensação de movimento, além de alterar a percepção do observador. O designer dinamarquês Verner Panton, por exemplo, contribuiu com produtos de cores e formatos marcantes, materiais inovadores e formas fascinantes.
Atento aos sinais, o arquiteto e designer Guilherme Torres, uma das mentes mais inventivas – e originais – do panorama brasileiro, imaginou uma intervenção sobre um padrão gráfico de Panton – seu icônico padrão de círculos em “positivo e negativo”. Este elemento manifestou-se em um dos círculos da estampa, e pode surgir de maneira randômica nos padrões dos tapetes, confeccionados no Irã com técnicas milenares, em pura lã de seda, pela Bellouchi Modern Rug“Um conceito de vida, um toque diferente, e tudo sob medida”. Saman Bellouchi Pirbazari resume assim, ao anunciar seu novo label de tapetes RUG ON! aquilo em que acredita e melhor sabe fazer na vida: desenvolver produtos com materiais naturais e refinamento único, extraído de sua ligação direta entre “arte, natureza, design e conceito”. Trata-se, portanto, de um branding de produtos exclusivos, de uma filosofia, e não apenas de uma questão estética.Que Guilherme soube interpretar muito bem. 
Quer ver mais? 
Acesse a page Têxteis da www.revestir.com.br e delicie-se!

Nenhum comentário: