quinta-feira, 4 de agosto de 2016

Sem fio...e com linhas?!




A Intelbras, desenvolvedora de soluções tecnológicas, redes e telecom e líder no segmento de telefonia fixa, acaba de lançar mais um equipamento que vai revolucionar o mercado. Trata-se do TS 5150, telefone sem fio que tem como principal diferencial a entrada para duas linhas, solução que permite que o aparelho seja usado com duas linhas telefônicas diferentes ou que uma das linhas seja usada como interfone residencial.
Com tecnologia DECT 6.0 e identificação de chamadas, o produto poderá ser uma importante ferramenta para profissionais que trabalham em sistema de home office. Graças à sua proposta, que permite independência das linhas, o consumidor pode ter uma linha exclusiva para seus negócios profissionais, enquanto a outra pode ficar reservada para uso pessoal.
Pequenos estabelecimentos e consultórios também podem se beneficiar das vantagens do TS 5150. Além da capacidade de expansão para 10 ramais (base + 9 ramais), o novo modelo da Intelbras permite gerenciar suas ligações, onde você pode escolher de qual linha a base e os ramais irão receber ou originar as ligações. Ao mesmo tempo, o produto possui ainda agenda compartilhada para 200 contatos, viva-voz, display e teclado luminosos e entrada para fone de ouvido. Um outro diferencial do aparelho é a mobilidade, pois o aparelho possibilitará atender o interfone de qualquer lugar da residência. Uma das entradas do equipamento pode ser utilizada pela linha do interfone residencial (função disponível para condomínios que dispõem de central condominial).  Este recurso pode ajudar pessoas com dificuldade de locomoção ou com criança em casa.

"Além da tecnologia e do conceito moderno inserido no design do produto, um dos principais diferenciais está na comodidade de se usar linhas de operadoras diferentes no mesmo aparelho, algo até então só disponível em celulares. Fatores como praticidade e mobilidade são outras características deste modelo, questões que são essenciais para auxiliar no dia a dia das pessoas", finaliza Diego Serra, gerente do segmento de telefonia da Intelbras.

Nenhum comentário: